Quando começamos a pensar numa primeira maquina de solda essa dúvida geralmente vem à tona.

Com o atual cenário comercial do Brasil, encontrar um equipamento MIG sem gás a preços baixos não é tão complicado e parece tentador, “afinal é uma MIG”.

Algo muito importante é não se iludir que a MIG sem gás solda inox ou alumínio, pois não solda e a outra é achar que a qualidade da solda é a mesma que a MIG MAG.

Com isso em mente resta agora comparar com uma de eletrodo revestido.

Para mim existem dois pontos que apesar de não serem os únicos pesam muito na decisão: Preço do equipamento e custo da solda.

Uma MIG sem gás vai ser mais cara que uma de eletrodo e o custo do arame MIG sem gás é bem acima do quilograma de eletrodo, mas existem outros fatores a serem ponderados, inclusive favoráveis a MIG.

Assista ao vídeo e entenda mais sobre o tema.