Acabamento em móveis com Verniz PU

Acabamento em móveis com Verniz PU

Para quem não conhece verniz PU (poliuretano) ele é à base de resina acrílica usando tanto para carros como para madeira.

Obviamente que há diferenças entre as linhas de produtos, mas não existem empecilhos para que se use verniz PU automotivo em madeira, já o oposto seria interessante verificar com o fabricante.

Trabalho com madeira há muitos anos, por curto período dentro de marcenaria, depois como autônomo, artesão, enfim entre idas e vindas nesse “namoro” lá se vão 20 anos. Na maior parte desse tempo fui uma pessoa frustrada com o resultado final das minhas peças.

Por quê?

Simples, não importa o quando você lixe ou alise uma peça se o verniz não for bom o resultado final será medíocre.

Tentava chegar àquele acabamento dos pianos e violinos e guitarras e sempre falhava (os instrumentos antigos não eram  PU, mas levavam até 10 camadas de verniz).

Não estou dizendo que acabamentos com cera, stain, ou lustrado com seladora sejam ruins, porém se quiser ter um resultado final moderno ao invés de retrô, o PU é a solução.

É mais caro?

Sim! Não é grande a diferença, porém é necessário o uso de fundo PU (e catalisador), diluente próprio (thinner funciona, mas pode dar erro) e o verniz PU (e catalisador). Como o catalisador do fundo não serve para o verniz (esse é um inconveniente), sua prateleira vai ficar cheia de produtos.

A boa noticia é que além da beleza, resistência mecânica e química o rendimento é maior.

Outra noticia que agrada é o fato de se obter bons resultados somente com o fundo, que aceita polimento, assim como o verniz.

E se tudo isso não bastasse o verniz vem preparado para o tipo de acabamento desejado: fosco, semibrilho ou brilhante.

Resumindo:

  • Acabamento com linha nitro celulose – “valoriza” os defeitos
  • Acabamento com PU – Valoriza as qualidades

Já faz um tempo que postei um vídeo sobre a aplicação de verniz PU, espero que gostem. Confira este conteúdo em vídeo no Youtube.


Adilson Pinheiro

Aos três anos ganhei meu primeiro serrote e desde então sou apaixonado por ferramentas e produção. Designer autodidata, vidreiro e artesão, acima de tudo apaixonado por ferramentas e o que com elas podemos fazer. Atualmente compartilho o que aprendi em 37 anos desde o serrotinho em meu blog e canal no Youtube.

Comentários

  1. Olá, amigo. Uma dúvida. Em outro vídeo você comenta que seria possível aplicar óleo mineral ou cera sobre fundo PU, para polimento. Estou removendo a pintura de um violão e noto haver 3 produtos sobre a madeira: 1.algo que parece ser um fundo PU para fechar os poros; 2. a tinta preta; 3. o verniz brilhante. Estou removendo o verniz brilhante e a tinta, deixando o fundo apenas, mantendo os poros fechados. Posso lustrar este fundo transparente com óleo mineral? Quantas demãos seria aconselhado para um bom resultado? Obrigado. Fique com Deus.

    Daniel Azevedo em 24/07/2020
    • Daniel o resultado seria o mesmo que passar óleo na pintura de um carro ou moto. Sério é isso mesmo.
      Se quer puxar algum brilho sutil no fundo PU use massa de polir (essa para carro) Não é a cera viu. Pode usar um feltro ou algodão de polimento para polir
      abraço

      Adilson Pinheiro em 07/08/2020
  2. Ola, para assoalho de garapeira em um mesanino que ser usuado como escritrio que tipo de verniz voce usaria? Ou usaria outra coisa em vez de verniz? Estava pensando em usar o verniz a base dagua da suvinil.
    Muito legal o teu canal no youtube, parabens.

    Gabriel Federizzi em 19/09/2020
    • Gabriel sobre o verniz da suvinil precisa olhar nas informações para ver se é compatível com piso, temos que lembrar que existe muito atrito, se não for de alta resistencia irá soltar rapidinho.
      Tem várias opições
      Verniz PU ZU10 próprio para piso – vai deixar com brilho
      Stain e cera – Aplica stain depois de curado aplica cera a manutenção será sempre cera – fica com brilho natural
      Ou só cera -demanda algumas demãos até ficar realmente bonito

      Adilson Pinheiro em 22/09/2020
  3. Olá. Bacanas suas dicas. Fabriquei Cajóns (instrumento de percussão) por algum tempo, em compensado naval, robustos, e escolhi o acabamento tipo violão/violino brilhante em PU. Descobri que o Fundo PU Alto Sólidos não é necessário, além de fazer uma sujeira absurda mesmo com cabine de pintura por causa da alta carga de sólidos. O segredo é o acabamento da peça entes de envernizar. Pelo menos 4 sessões de lixamento subindo a grana até ficar bem corrigido. Como o compensado é poroso e relativamente macio, isto é necessário. Depois, 4 demãos de verniz Pu, seguidas, e fica um brinco. Nem polimento costuma ser necessário a não ser que queria um acabamento realmente top. Como Cajón é usado no chão, sentado em cima, não há necessidade de mais primor, além do verniz trazer muita resistência ao instrumento, pode-se jogar gasolina em cima que não causa nenhum problema. Abraço.

    Jeffo Moreira em 07/11/2020
    • o fundo PU faz certa sujeira mesmo rsrs uma dica pra eles é aumentar um pouco o thinner, dessa forma ele dá menos névoa.

      Adilson Pinheiro em 18/11/2020
  4. Opa estou fazendo um deck em madeira em volta da minha piscina
    E estava pensando em por verniz automotivo porém n sei se ele e eficaz em madeira esposta ao dia a dia!!!
    Vc teria alguma alguma dica para me ajudar??
    Agradeço a atenção!!!

    Anderson da Silva em 14/11/2020
    • Anderson tudo bem? Espero que não tenha aplicado o verniz, Seguinte verniz não é bom para deck, nenhum deles.
      O motivo nem é resistencia aos arranhões e sim segurança. O verniz deixa a superficie escorregadia, por isso o ideal é usar stain, oleo tungue, ou algum produto impregnante próprio para deck que vão deixar a textura da madeira preservada,

      Adilson Pinheiro em 22/11/2020